Sao martinho - Relações com Investidores Mobile

Notícias


São Martinho assina contrato definitivo com a Amyris Biotechnologies Inc.

São Paulo, 14 de abril de 2010 - São Martinho S.A. (Bovespa: SMTO3; Reuters: SMTO3 SA e Bloomberg: SMTO3 BZ), um dos maiores produtores de açúcar e etanol do Brasil, dando continuidade às informações divulgadas por meio de Fato Relevante enviado ao mercado em 03/12/2009, anuncia assinatura de acordo definitivo com a empresa norteamericana Amyris Biotechnologies Inc. e sua subsidiária brasileira Amyris Brasil S.A. (que juntas integram o Grupo Amyris).

A operação aprovada entre o Grupo São Martinho e o Grupo Amyris sofreu alterações em relação ao acordo preliminar comunicado por meio de Fato Relevante enviado ao mercado no dia 03/12/09. Não haverá alienação de parte do capital da Usina Boa Vista ao Grupo Amyris, de forma que a Boa Vista continuará sendo integralmente controlada pelo Grupo São Martinho.

O acordo definitivo que foi assinado na data de hoje contempla os seguintes pontos:

1) O Grupo São Martinho e o Grupo Amyris investirão na construção de uma planta química localizada na unidade “Usina São Martinho”, em Pradópolis-SP, para produção, em 2012, de farneseno para produtos químicos com tecnologia Amyris através de uma Joint Venture detida 50%/50% por cada grupo.

2) O início da construção da planta química está sujeito a algumas condições precedentes, dentre elas, a aprovação pela Joint Venture do projeto de engenharia e das suas características econômicas, além da obtenção das licenças ambientais necessárias, até 31 de dezembro de 2010.

3) O Grupo São Martinho fornecerá xarope de cana-de-açúcar para a Joint Venture e a comercialização da produção da Joint Venture será feita pelo Grupo Amyris. Esta planta terá inicialmente capacidade para processar o equivalente à 1 milhão de toneladas de cana de açúcar.

Cordialmente,

João Carvalho do Val
Diretor Financeiro e de Relações com Investidores
Felipe Vicchiato
Gerente de Relações com Investidores
Telefone: 11 2105-4100
Email: ri@saomartinho.ind.br
Website RI: www.saomartinho.ind.br/ri

 

Sobre a São Martinho

O Grupo São Martinho está entre os maiores grupos sucroenergéticos do Brasil com três usinas em operação: São Martinho, em Pradópolis (região de Ribeirão Preto, SP); Iracema, em Iracemápolis (região de Limeira, SP) e Boa Vista (Quirinópolis, a 300km de Goiânia, GO), além de uma unidade para produção de ácido ribonucleico, a Omtek, também em Iracemápolis. O índice médio de mecanização da colheita é de 82%, chegando a 100% na Usina Boa Vista. Para mais informações visite o site www.saomartinho.ind.br.

Sobre a Amyris

A Amyris utiliza uma tecnologia proprietária de biologia sintética para criar um portfólio de combustíveis e materiais químicos renováveis com o objetivo de ajudar a reduzir o volume de dióxido de carbono no mundo. Além de amigáveis com o meio ambiente, os produtos Amyris são concebidos para serem acessíveis e compatíveis com a infraestrutura existente, dotados de atributos de desempenho comparáveis aos dos produtos à base de petróleo. Amyris opera duas subsidiárias: Amyris Fuels, LLC e Amyris do Brasil Pesquisa e Desenvolvimento de Biocombustíveis Ltda. A Amyris Fuels está criando capacidades de distribuição e marketing de produtos nos Estados Unidos e gerando receita, atualmente, através de uma rede crescente de distribuição e de clientes. A Amyris Brasil foi fundada em março de 2008 para supervisionar o “scale-up”, o licenciamento, a produção e a distribuição da Amyris no Brasil.

As afirmações contidas neste documento relacionadas a perspectivas sobre os negócios, projeções sobre resultados operacionais e financeiros e aquelas relacionadas a perspectivas de crescimento da São Martinho são meramente projeções e, como tais, são baseadas exclusivamente nas expectativas da diretoria sobre o futuro dos negócios. Essas expectativas dependem, substancialmente, de mudanças nas condições de mercado, do desempenho da economia brasileira, do setor e dos mercados internacionais e, portanto, sujeitas a mudanças sem aviso prévio.

Para mais informações, clique aqui.